George Meira

George Meira

Salvador, Salvador

Este profissional está ativamente procurando emprego.

Sobre mim:

Sou uma pessoas esforçada, focada naquilo que me proponho a fazer, de mente aberta sempre disposto a aprender mais. Me julgo ser uma pessoa organizada, um pouco metódica e sempre entendendo como as coisas funcionam em seus detalhes para conseguir dominar e fazer com que aquilo funcione da melhor forma possível, sou carismático, empático.

Educação:

Psicologia sempre foi e sempre será minha maior opção de profissão, é o que me vejo fazer todos os dias até o último dia. Adquiri um interesse maior sobre a psicologia no mundo do trabalho, como isso afeta as pessoas e como as pessoas se comportam diante desse cenário, além da clínica que também sempre fui muito próximo. 

Experiência:

·        Estágio Curricular com enfoque em Psicologia Organizacional no SINEBAHIA na cidade de Jequié-BA, realizando entrevistas de pessoal para cargos operacionais para empresas de Jequié e região; triagem de currículos; e dinâmicas em grupo – Março a Junho de 2017

·        1 ano de estágio clinico com supervisão direcionada a abordagem da Psicanálise (2016). Construção de relatórios de cada sessão de cada paciente, atendimento semanal com crianças, adolescentes e adultos.

·         Projeto de extensão ‘’Movimentando Vidas’’ no SER LIVRE em Jequié-BA (2017), com foco em dependentes químicos. O projeto consistia num calendário organizado com dinâmicas de grupo, roda de conversa, atividades lúdicas, pequenas palestras com convidados de profissionais da área para expor conhecimento e vivencias acerca de demandas coletadas anteriormente. Essas atividades foram dispostas num período de 6 meses fazendo com que cada atividade fizesse sentido e senso de continuidade durante todo o trabalho produzido.

·        Trabalhos voluntários em diversos períodos nas instituições (todos com períodos de 2 a 6 meses de participação com 1 á 2 encontros/visitas semanais.):

·     AJECE (Associação Jequieense dos Cegos): auxiliar nas atividades locais como oficinas e aulas referentes ao ensino que ali é ensinado (braile, ajustes na coordenação motora devido a baixa ou nula visão) e participação e coordenação de rodas de conversas sob demanda da coordenação.

·     Ambulatório do Hospital Prado Valadares: auxiliar em atividades lúdicas e aprendizado sobre demandas e comportamentos dos pacientes do local junto com a Psicóloga responsável.

·     ADCB (Associação Brasileiras das Donas de Casa): palestras e rodas de conversa sobre a situação das mulheres da comunidade trazendo conhecimentos sobre direitos da mulher, promoção e estimulo a atividades esportivas, sociais e artísticas entre outros.

·     Abrigo Infantil Vovó Malvina Costa: ajudante nos cuidados junto com os profissionais do local e participação nas atividades lúdicas propostas pelo grupo ao qual eu estava inserido e pela coordenação do local.

·     Abrigo dos velhos de Jequié (Fundação Leur Britto): participação nas rodas de conversa, conversa individual e dinâmicas de grupo na promoção do bem estar e autoestimas dos abrigados do local.

0 recomendações externas