Antônio Júnior

há 10 meses · 3 min. de leitura · visibility 0 ·

chat Entre em contato com o autor

thumb_up Relevante message Comentar

Conflitos em Empresa Familiares: Descubra como Resolver

Conflitos em Empresa Familiares: Descubra como ResolverNem

Segundo dados do IBGE e do Sebrae, as empresas familiares representam 90% das empresas no Brasil, o que leva a uma representatividade de 65% no Produto Interno Bruto (PIB) e à empregabilidade de cerca de 75% dos trabalhadores. Entretanto, os índices de sobrevivência dessas organizações são muito menores, isso devido à quantidade de conflitos enfrentados por essas empresas, e que muitas vezes são de grau emocional.


É inevitável, conflitos existem! Sejam eles discutidos entre família, amigos ou colegas de trabalho. Porém, quando se trata de um negócio, o melhor é preparar-se para lidar com eles da melhor maneira possível.


Neste artigo, explico quais estratégias podem ser utilizadas a fim de resolver os conflitos em empresas familiares. Vamos lá?!


O que é uma empresa familiar

c071475b.png


O que é um negócio ou uma empresa familiar?


Diferente do que muitas pessoas imaginam, para que um negócio seja considerado familiar, não é necessário todos da família trabalharem como funcionários. Isso porque a gestão da empresa pode ser realizada por alguém de fora da família. O que as empresas familiares precisam ter são membros da família no quadro de diretores ou acionistas.


O que causa conflitos em empresas familiares?

3673e6c5.png

Agora que você já entende o conceito de um negócio familiar, talvez esteja se perguntando, porque eles acontecem.


Na verdade, somente o fato do negócio e da família crescer com o passar do tempo já é algo que gera tensões. Ou seja, os filhos crescem, se tornam colaboradores da empresa, sugerem novas ideias e provocam o modus operandi. E claro que, com toda essa movimentação, os conflitos seriam gerados.


Além disso, existem outros fatores que podem influenciar o surgimento de conflitos em empresas familiares como, por exemplo, a rivalidade entre irmãos.


Acredite em mim, isso não acontece apenas em filmes de Hollywood. Em empresas familiares, a rivalidade entre irmãos é mais comum do que parece. A intensidade dos problemas encontrados depende do nível de maturidade dos irmão para separar assuntos de família dos profissionais. Geralmente, quando a empresa está para decidir quem sucederá o pai é que a rivalidade mais se intensifica.


Como resolver conflitos em empresas familiares?

cf4c7668.png

Mas afinal, como é possível resolver esses e os demais conflitos familiares de uma empresa? Foi pensando nisso que separei para você algumas estratégias para resolver os conflitos em empresas familiares, gerando um ambiente estável, melhores resultados e oportunidades para os negócios da família. Confira:


1 - Compreenda as diferenças entre as gerações


O conflito de gerações é um dos problemas mais comuns enfrentados por empresas com mais tempo de mercado. Por isso, é importante criar um ambiente corporativo harmônico e produtivo assim como ter um bom convívio fora da empresa.


Como já disse, a nova geração trará novas ideias, por isso o ideal é que a empresa possua uma cultura de inovação contínua, ou seja, esteja sempre se adaptando às mudanças. Dessa forma, a empresa poderá usar positivamente as diferenças entre as gerações garantindo a sua evolução por meio de um ambiente colaborativo.


2 - Crie um plano de sucessão


A criação e o desenvolvimento de um plano de sucessão para as empresas é, na minha opinião, o melhor caminho para garantir o sucesso de uma empresa familiar. No entanto, é importante ressaltar que os candidatos a sucessão estejam extremamente capacitados para assumir as obrigações da empresa quando necessário, a fim de dar continuidade aos negócios da família.


É por meio da criação de um plano sucessório que o empresário pode identificar se os sucessores possuem os mesmos objetivos da empresa e se estão preparados para gerir os negócios da família. Esse plano precisa ser muito bem planejado e desenvolvido, isso porque essa é uma tarefa que exige bastante preparo e esforço das duas gerações.


O ideal para o sucesso dessa sucessão é inserir o candidato nos negócios da empresa o quanto antes, isso para que ele possa ir se preparando para o momento em que terá que assumir de fato a direção da empresa. E, é claro, assim como em qualquer bom planejamento, é imprescindível que no planejamento exista a definição do papel e das condições de cada sucessor para que eles desempenhem as atividades no futuro.


3 - Profissionalize a gestão


Profissionalizar a gestão de uma empresa familiar é o segredo para amenizar os conflitos e obter melhores resultados.


As empresas que não possuem uma gestão profissional estão longes de evitar o surgimento de dificuldades administrativas. Ao contratar um profissional capacitado, a empresa passa a ter uma boa base de gestão evitando por exemplo a rivalidade por parte dos irmãos, conforme abordamos acima.


Ao optar por esse caminho, é fundamental definir muito bem o papel do profissional contratado dentro da empresa, pois a família continuará participando indiretamente da gestão dos negócios, a fim de evitar problemas de administração que possam comprometer o desempenho das atividades.


Gostou desse artigo? Deixe um comentário abaixo e se inscreva em nossa newsletter para receber conteúdos exclusivos.


Por Antônio Júnior, Especialista em Gestão Estratégica de Negócios e Master Trainer.


thumb_up Relevante message Comentar
Comentários

Mais artigos de Antônio Júnior

Ver blog
há 2 meses · 3 min. de leitura
Antônio Júnior

Como ser Criativo em Suas Apresentações

Quer saber um segredo? Um dos maiores triunfos de ...

há 3 meses · 3 min. de leitura
Antônio Júnior

03 Estratégias para Melhorar a Capacidade de Negociação da sua Equipe

Você já se perguntou porque a sua equipe não está ...

há 5 meses · 3 min. de leitura
Antônio Júnior

Lucro e Faturamento: Saiba a Importância de Entender as Diferenças

No mundo dos negócios, principalmente ao iniciar u ...